• tela 01
  • tela 01
  • tela 01
 Comentários 2583 Visualizações

O Grupo Comunique-se adotou há algum tempo o PDI para os colaboradores de todas as unidades, incluindo os gestores de cada uma delas.

 

O PDI, Plano de Desenvolvimento Individual, é elaborado com objetivo de definir metas que estejam de acordo com as expectativas que a empresa tem de um funcionário e, também, com os objetivos que o próprio colaborador deseja alcançar, fazendo, assim, um trabalho com atribuições prazerosas e de grande utilidade para a empresa.

 

Esse plano é criado para que não se perca o foco e que, com a ajuda de feedbacks, os gestores e colaboradores sigam dando passos estrategicamente pensados para que se alcance o propósito.

 

Como elaborar?

 

Análise - Para o primeiro passo é importante fazer uma análise de quem sou, onde estou e onde quero chegar. O profissional deve pensar em sua situação atual para avaliar em que está satisfeito e o que ainda pode melhorar. Não é preciso ficar preso a almejos profissionais. Neste ponto, a vida pessoal também deve ser levada em conta.

 

É hora de pensar em como você quer estar daqui a 3, 5, 10 anos.

 

Mapeamento – Depois dessa auto-análise será necessário identificar as habilidades, competências individuais, capacidades e, ainda mais importante, em que essas características podem ser úteis para que se chegue aos pontos desejados.

 

Metas – Com o reconhecimento das etapas anteriores, o próximo passo será definir as metas e objetivos. Elas serão estabelecidas a partir da análise feita no primeiro momento, mas devem estar alinhadas às expetativas, valores e ambições da empresa também.

 

Para definí-las é importante levar em conta o tempo que se tem para realizá-las e como essas ações serão mensuradas, afinal, só será possível avaliar se o objetivo foi alcançado se houver um jeito de medí-lo.

 

 

Ações

 

O profissional, seu gestor e o RH já analisaram, mapearam e definiram as metas para o desenvolvimento do PDI. E agora, qual o próximo passo? Agir.

 

É responsabilidade do profissional colocar todas as ações em práticas e dedicar-se para não perder o foco e realizá-las dentro do prazo estipulado. Porém, é de grande importância contar com o acompanhamento do gestor que, muitas vezes, auxilia com ideias, direcionamento, dá apoio e motiva para que o plano continue em andamento.

 

Periodicamente, o gestor e o colaborador devem reunir-se para darem seus feedbacks.

 

O PDI Comunique-se

 

Por aqui as estratégias do PDI são definidas semestralmente em uma reunião com o gestor de cada unidade e depois passando para a aprovação do diretor responsável.

 

O PDI é dividido em três partes, operacional, tático e mérito, e são estabelecidas pontuações para cada tipo de meta que, ao final, somam 100 pontos. Fechando o semestre, os colaboradores que alcançarem 75 pontos ou mais são considerados ótimos e terão seus nomes levados por seus gestores à reunião de gente (link do post da reunião de gente).  

 

“Todos trabalham melhor sabendo seus pontos fortes e possíveis melhorias, e é mais fácil e muito mais eficaz gerir pessoas que têm ciência da qualidade do trabalho que desenvolvem e sabem no que são realmente boas”, afirma Henrique Souza, Unidade de Gente e Gestão do Grupo Comunique-se.

 
  • TAGS:

VEJA TAMBÉM:

Reunião de Resultado

Reunião de Resultado

Agora que já sabemos dos processos mais tradicionais da gestão do Comunique-se, irei explicar um pouco mais sobre a reunião de resultados, sua...

PDI - Plano de Desenvolvimento Individual

PDI - Plano de Desenvolvimento Individual

Vamos falar sobre o PDI - Plano de desenvolvimento individual - que todo colaborador do Comunique-se possui. O PDI se trata de reunião semestral para...

COMENTE: